EN FR PT ES

Rio de Couros e Casal dos Bernardos

INFORMAÇÕES GERAIS
Área Total: 44 km
Nº de Lugares:
25
População Residente Total: 2.798
Nº de Edifícios clássicos:
2.211
Ocupação Humana: 7%
Ocupação Florestal:
65%
Ocupação Agrícola:
22%
FONTE: INE (2011) e Município de Ourém

Junta de Freguesia de Rio de Couros e Casal dos Bernardos Junta de Freguesia de Rio de Couros
Rua Gaspar Moreira, nº 19
2435-530 Rio de Couros
Tel. 249 559 602
Fax 249 559 644
Telem: 917 056 726
Presidente da Junta: Jorge Manuel Dias Lopes
Email: jf.rcouros@iol.pt
Site: www.jf-riodecouros.pt/
ASSOCIAÇÕES

MotoCub RioPirata- Clube Motard de Rio de Couros

Associação de cariz cultural

Morada: Rua da Escadaria – 2435 – 530 Rio de Couros

Data de fundação: 23 de fevereiro de 2007, com Publicação no DR n.º 106, série n.º II em 01de junho 2007

Total de Sócios: 27

Instalações: Própria

Email: cluberiopirata@yahoo.fr

Associação Recreativa Bernandense

Associação de cariz cultural

Morada: Rua do Casal, n.º 60;

Data de fundação: 27 de novembro de 1980, com publicação no DR n.º 252, série n.º III em 03 de outubro de 1980

Instalações: cedidas;

Email: ass.recreativa.bernardense@outlook.pt

Centro Cultural e Recreativo de Rio de Couros

Associação de cariz desportivo

Morada: Rua do Campo da Bola, 2435-530, Rio de Couros

Data de fundação: 20 de junho de 1976, com Publicação no DR n.º 51, série n.º III em 02 de março de 1987

Total de Sócios: 274

Instalações: próprias;

Modalidades:

– Futebol 7 (formação)

– Ginástica

Email: ccr.riodecouros@gmail.com

Glorymérito – Associação Desportiva e Cultural

Associação de cariz cultural e desportiva

Morada: Rua de St.º André, nº 4 – 2435 – 535 Rio de Couros

Email: casa.simoes@sapo.pt

Grupo Desportivo Sandoeirense

Associação de cariz desportivo e cultural

Morada: Rua das Escolas, Sandoeira, 2435-531, Rio de Couros

Data de fundação: 4 de maio de 1980, com Publicação no DR n.º 175 série n.º III em 31 de julho de 1980

Total de Sócios: 500

Instalações: próprias;

Modalidades:

– Futebol 7 (competição);

– Ginástica de manutenção (adulto e idoso);

– Ballet (infantil e juvenil);

– Danças contemporâneas (infantil e adulto);

– Danças de salão (infantil e juvenil);

– Danças latinas (infantil e juvenil);

– Hip-hop (infantil e juvenil)

Email: gdsandoeirense@gmail.com

PowerRadical ClubTunning

Associação de cariz desportivo;

Morada: Rua Principal, n.º 94, Casais Galegos, 2435 – 034, Casal dos Bernardos

Email: poweradical@hotmail.com

Rancho Folclórico Verde Pinho

Associação de cariz cultural

Morada: Rua Vale Pereiro, Carvalhal do Meio, 2435 – 032 Rio de Couros; Contacto: 249 575 780

Data de fundação: 01 de janeiro de 1994,

Total de Sócios: 65

Instalações: próprias;

Modalidades:

– Folclore infantil;

– Folclore adulto.

Email: rfverdepinho@gmail.com

Vespomania - Associação de Vespistas da Sandoeira

Associação de cariz cultural

Morada: Estrada Principal, n.º 72 – Sandoeira, 2435- 531 Rio de Couros; Contacto: 919 357 947;

Data de fundação: 06/06/2005

Total de Sócios: 67

Email: vespomania@gmail.com

EQUIPAMENTOS SOCIAIS

Associação de Pais e Encarregados de Educação do Jardim de Infância e Escola do 1º Ciclo de Rio de Couros

Rua Gaspar Moreira, 19
2435-530 RIO DE COUROS
email: asspaisrc@iol.pt
Telf.:916 636 444

Centro de Apoio à Pessoa Idosa de São Jorge da Granja

Estrada Real, 56
Granja
2435-302 Freixianda
email: largranja@sapo.pt

Telf.:249 550 385
Fax: 249 550 385

Respostas Sociais: Lar de Idosos

Centro Social de Casal dos Bernardos

Centro Social de Casal dos Bernardos

Centro Social e Paroquial da Freixianda

Largo da Igreja
2435-281 FREIXIANDAemail: cdfreixianda@hotmail.comTelf.: 249 550 293
Fax: 249 550 293Respostas Sociais: Centro de Convívio, Centro de Dia, Componente de apoio à família, Refeições escolares – 1º ciclo, Serviço de Apoio Domiciliário

Centro Social Paroquial de Rio de Couros

Praceta da Torre, 1
2435-530 RIO DE COUROS
email: censopa@sapo.pt
Telf.: 249 559 151
Fax: 249 559 151Respostas Sociais: Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário

Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos de Freixianda

Rua Padre Feliciano de Oliveira
2435-284 FREIXIANDA
email: eb23freixianda@mail.telepac.pt

Telf.:249 551 840 /869
Fax:249 551 869

Respostas Sociais: Refeições escolares 1º ciclo

CARATERÍSTICAS DE RIO DE COUROS

Santo Patrono: Nossa Senhora da Natividade
Festas e Romarias: Festa de Nossa Senhora do Livramento (Domingo de Ascensão), Festa de Nossa Senhora de Assunção (2º Fim-de-semana Agosto), Festa dos Cestos (8 de Setembro)
Locais de Interesse Turístico: Torre da antiga Igreja Matriz, Sarcófago, Lagoa de Rio de Couros.

 

HISTÓRIA

Rio de Couros de nome porque segundo tradição oral, ali terão funcionado oficinas de curtumes!
“Será utilíssimo que esta freguesia se divida, para que assim os fregueses dela sejam melhor servidos no essencial…” foi o argumento usado por D. Álvaro de Alranches, Bispo de Leiria, para a criação da freguesia de Rio de Couros em 1728 ou 1729 por divisão da Freixianda.
Pousada no vale superior do Nabão e percorrida por vários afluentes, a freguesia goza de um historial louvável. Façamos uma retrospectiva:
A fertilidade dos campos «conquistou» os Romanos que ali ergueram uma povoação cujos vestígios (pedras tumulares e sarcófago) merecem reconhecimento científico; ali próximo terá existido a vila romana de Rouquel.
D. Dinis ordenou ali a criação de uma feira franca, antes de 1325, sendo esta confirmada em 1367 por D. Fernando. Rio de Couros fora ainda nomeado para Curato de apresentação da Colegiada de Ourém.
Já no séc. XX, durante os anos 40 e 50 o lugar da Fonte da Moura foi palco da exploração de minas de carvão, acolhendo mais de cem trabalhadores. Durante gerações as várias cerâmicas de tradição familiar também garantiram o sustento de muitos. As estas práticas sucederam as fábricas de móveis, as oficinas de automóveis e a construção civil, que se têm prestado a criar postos de trabalho e a promover o aumento demográfico.
Porque as lendas também representam identidade, a padroeira N.ª Sr.ª da Natividade, outrora N.ª Sr.ª de Rio de Couros, associa-se à lenda de que Gaspar Moreira, da Câmara de El Rei D. Sebastião, tendo sido feito prisioneiro dos Mouros por ocasião da Batalha de Alcácer Quibir, invocou a ajuda da Senhora e salvou-se. Esta passagem lê-se num painel da Igreja.
Propõe-se uma viagem pela história da freguesia retratada por marcas físicas e simbólicas, como os sítios arqueológicos de Sandoeira e Rio de Couros, o sarcófago e a torre da antiga Igreja Matriz, ou as ruínas da indústria de carvão, um belo exemplar da arqueologia industrial.

 

HERÁLDICA

Brasão – escudo de vermelho, uma faina ondada de prata azul, de três tiras, acompanhada em chefe de uma aberta de ouro e, em ponta, de duas peles de couro abertas, de prata. Coroa mural de prata de três torres. Listel branco com a legenda a negro: «RIO DE COUROS-OURÉM»
Bandeira – branca. Cordão e borlas de prata e vermelho. Haste e lança de ouro.
Selo – branco circular, com as peças do escudo sem a indicação de cores e metais, tudo envolvido por dois círculos concêntricos, onde corre a legenda «Junta de Freguesia de Rio de Couros – Ourém».

 

CARATERÍSTICAS DE CASAL DOS BERNARDOS

Santo Patrono: Santo António
Festas e Romarias: Nesta Freguesia, a festa ocorre no 1º fim de semana de Agosto em honra de Stº António
Locais de Interesse Turístico: Parque de Lazer, Capela da Cacinheira, Moinhos de Água e Paisagem Ribeirinha.

HISTÓRIA

Monumento

Plantada numa colina a noroeste da Freixianda, da qual se desmembrou em 1964, Casal dos Bernardos a avaliar pelo topónimo    “Bernardos” (nome do Santo que fundou a Ordem de Cister), complementado pelo imaginário colectivo, sugere ocupação cisterciense.

É uma freguesia muito regada, sendo que em tempos mais remotos, por altura da ocupação Romana, reunia as condições mineralógicas  necessárias à exploração de uma considerável ferraria cujos vestígios arqueológicos podem ser ainda hoje visitados no lugar de Casais  Galegos.

De facto as ribeiras e os córregos foram durante gerações o alento da economia local, responsabilizando-se pela dominância de uma  agricultura de regadio e pelo alimento dos muitos moinhos de rodízio que hoje anseiam por serviço e visitas – o topónimo “Casal dos  Moleiros” só vem a reforçar a consistência da cultura cerealífera.

Sendo magro o sustento destas gentes, a e/migração viria a tomar conta do destino de muitas famílias, sobretudo da década de 60 em  diante. Se por um lado este movimento despontou temporariamente o êxodo, por outro lado, os regressos trouxeram ambiciosos  projectos e investimentos económicos que viabilizaram o incremento da economia local, na qual se destacaria o sector construção civil.  Mas as terras continuam a dar frutos, como provam as extensas várzeas cultivadas, ou a silvicultura que ocupa cerca de 60% da área da  freguesia.

Mais e menos jovens, todos lutam pela expansão da sua terra, que ainda recente como freguesia, vai conciliando infra-estruturas e  vontades atentas ao conforto social.

Ao visitante os Casalbernardenses sugerem uma visita panorâmica à freguesia, a partir do miradouro do Marco do Covão, seguindo-lhe a  visita à antiga torre da Igreja Matriz; após um momento de lazer no parque de merendas, poderá ainda lançar-se numa caminhada ao longo dos vales ribeirinhos para poder contemplar o encanto da vegetação e dos equipamentos moageiros.

HERÁLDICA

Brasão – escudo verde, banda enxaquetada de duas tiras de prata e vermelho, acompanhada em chefe de três espigas de milho e em ponta de um ramo de pinheiro com três pinhas, tudo de ouro. Coroa mural de três torres de prata. Listel branco, com a legenda a negro, em maiúsculas: «CASAL DOS BERNARDOS – OURÉM».
Bandeira – branca. Cordão e borlas de prata e verde. Hasta e lança a Ouro.
Selo Branco – circular, com as peças do escudo sem a indicação de cores e metais, tudo envolvido por dois círculos concêntricos, onde corre a legenda: «Junta de Freguesia de Casal dos Bernardos – Ourém».

LOCALIZAÇÃO

 

Mapa do Site CMOurém © 2018 - Todos os direitos reservados