EN FR PT ES

“Livres e Iguais” por Carlão contra o racismo e a discriminação na Semana da Educação

21 Abril, 2022

Carlos Nobre Neves, Pacman, Carlão. Ao vivo e a cores no TMO mas num formato totalmente diferente daquele a que estamos habituados. Filho de pais cabo-verdianos, angolano de nascimento, português desde os primeiros meses de idade, aproveitou desde cedo o protagonismo conquistado à conta de um talento musical inato, dando voz à luta contra o racismo.

E foi precisamente nesse contexto que nos visitou, no âmbito da I Semana da Educação do Município de Ourém e à boleia do projeto que desenvolveu em parceria com empresa Betweien.

“É um projeto direcionado para os alunos e para as alunas do 3.º ciclo do Ensino Básico e Ensino Secundário. Tem o propósito de sensibilizar, mas, essencialmente, acabar, com qualquer tipo de discriminação, fundada no princípio da ignorância e do ódio, que bloqueie a construção de uma sociedade intercultural”, explicou.

“Livres e Iguais” é o nome do livro que sustenta as apresentações que o músico tem feito um pouco por todo o país. E também foi o mote para o Workshop Pedagógico que Carlão protagonizou em pleno palco da Sala Principal do TMO.

Em duas sessões destinadas a alunos das escolas da região, Carlão abordou temas fraturantes de forma leve, mas assertiva. Não faltaram interpretações das canções escritas propositadamente a pensar na edição do livro “Livres e Iguais”, nem uma performance teatral subordinada ao tema.

O Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Luís Miguel Albuquerque, o Vice-Presidente, Natálio Reis, e a Vereadora da Educação, Micaela Neves, receberam Carlão e a sua equipa no Teatro Municipal de Ourém.

Partilhar:

Veja também

Mapa do Site Acessibilidade CMOurém © 2022 - Todos os direitos reservados