EN FR PT ES

Câmara aprovou estudo prévio de requalificação da Av. Irmã Lúcia Jesus

8 Julho, 2021

A Câmara Municipal de Ourém aprovou por unanimidade o estudo prévio para requalificação da Avenida Irmã Lúcia de Jesus, artéria que faz a ligação entre a Avenida D. José Alves Correia da Silva e a Ecovia Fátima-Ortiga recentemente inaugurada, reforçando a imagem de modernidade e urbanidade que se pretende para Fátima.

O objetivo do projeto passa por requalificar todo o espaço público ao longo dos cerca de dois quilómetros de extensão da Avenida Irmã Lúcia de Jesus, com a criação de corredores específicos e individualizados para o tráfego automóvel pedonável e ciclável. O estudo prévio prevê a restruturação da via de circulação de veículos e engloba a substituição do pavimento da via rodoviária e a colocação de passeios ao longo da via em ambos os lados, privilegiando o percurso pedonal para melhoria de circulação, segurança e conforto dos peões. A proposta visa também a execução de uma ciclovia, o ordenamento do estacionamento e a reordenação do tráfego, além de iluminação para veículos e peões, sinalética diversa e mobiliário urbano.

O estudo prévio aprovado tem como objetivo base que a Avenida Irmã Lúcia de Jesus apresente uma imagem unificada e de qualidade, com separação e ordenamento dos diferentes tipos de circulação e novos elementos urbanos. Para este fim, propõe-se a criação de condições para circulação pedonal, um enquadramento paisagístico com plantação de árvores de arruamento e um sistema de rega automático associado, a introdução de elementos de mobiliário urbano (bancos, papeleiras e apoios de bicicletas) adequados às funções dos espaços exteriores e esteticamente integrados e, por fim, uma perceção geral do espaço como elemento único, englobando as diversas componentes espiritual, cultural, paisagística e recreativa.

O investimento projetado para a requalificação da Avenida Irmã Lúcia de Jesus é de aproximadamente 2 milhões e 800 mil euros e, após a aprovação do estudo prévio, segue-se a elaboração do projeto de execução para posterior abertura do respetivo procedimento concursal.

Partilhar:

Veja também

Mapa do Site Acessibilidade CMOurém © 2021 - Todos os direitos reservados