EN FR PT ES

3 Junho, 2022

Dia 1
FESTA DA CRIANÇA

O Município de Ourém realiza de 30 de maio a 1 de junho a Festa da Criança que conta com a participação de cerca de 2 800 crianças em atividades a decorrer por vários espaços do Município, bem como em instalações de outras entidades envolvidas na efeméride.

MARIONETAS DO CIRCO, POR RUI SOUSA

Espetáculo integrado nas comemorações do Dia Mundial da Criança.
Teatro Municipal – Sala Principal

– Um circo todo ele em marionetas de fios com todas as atrações, mas em tamanho boneco. O trapezista, o malabarista, o contorcionista, entre outros fenómenos do nosso circo. A magia destes espetáculos remonta ao século XIX e prevalece até hoje como fonte de animação de todos os públicos. O circo está completamente associado às comemorações do Natal pela sua magia, fantasia, cor e alegria.

Horário: 10:15h, 11:00h e 14:15h
Classificação etária: M/06
Público: escolar
Duração: 45 min
Preço: gratuito

Bilheteira TMO:
4.ª a 6.ª | 13:00h às 19:00h
Dia do espetáculo | dia 30 das 10:30h às 12:00h; dia 31 das 09:30h às 12:00h e das 13:30h às 15:00h
bilheteira.tmo@cm-ourem.pt | 916 591 231

 

 

De 1 a 30
FORA DA ESTANTE: PINTURA

Biblioteca Municipal de Ourém

– Em junho de 2022, a Biblioteca Municipal de Ourém dedica o seu destaque bibliográfico a obras sobre pintura e pintores(as) famosos.

Horário: Segunda a sexta-feira das 9h às 18h | Sábado das 9h30 às 13h
Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas

 

 

Dia 2
PROJETO MUSEU NA ALDEIA – SESSÃO EM COMUNIDADE

Freguesia da Freixianda

– O Museu na Aldeia é um projeto de intervenção artística e social que interliga museus e comunidades através das artes. Por meio de um processo de co criação, os idosos são convidados a discutir, refletir e reinterpretar a peça apresentada na comunidade. Posteriormente vão apresentar a sua criação no Museu emparelhado – Aldeia vai ao Museu, e contemplar numa fase final vários trabalhos artísticos que serão o reflexo de um processo de trabalho registado em 26 Municípios, pertencentes à Rede Cultura 2027.

Acesso gratuito
Horário: 14h30
Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6823) | museu@cm.ourem.pt

 

 

Dia 4
MINI YOGA ENTRE LIVROS

Biblioteca Municipal de Ourém

-Aula de Yoga dinamizada pela instrutora Cristina Santos, que pretende ajudar as crianças a trabalhar o seu ser como um todo, através de histórias, música, jogos, exercícios e relaxamento, no ambiente seguro e estimulante da Biblioteca Municipal.

Participantes: 10h00 – dos 3 aos 5 anos | 10h30 – maiores de 6 anos
Limite de participantes por sessão: min. 4 | máx. 10
Inscrição prévia obrigatória na Biblioteca Municipal de Ourém | 249 540 900 (ext. 6841) | biblioteca@cm.ourem.pt
Horário: segunda a sexta-feira das 09:00h às 18:00h, sábado das 09:30h às 13:00h
Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas

 

UMA NOITE NA BIBLIOTECA
Biblioteca Municipal de Ourém

– A atividade “Uma noite na biblioteca” permite vivenciar uma noite diferente, no meio dos livros, num espaço que as crianças habitualmente só visitam durante o dia.

Acompanhadas por técnicos da Biblioteca Municipal, as crianças participarão em jogos, oficinas de leitura e escrita, descobrirão os sons fantásticos da biblioteca à noite e adormecerão ao som de histórias. O regresso a casa será só no dia seguinte!

Destinatários: Dos 8 aos 12 anos | mín. 4 crianças e máx. 12
Horário: das 20h30, do dia 4, às 11h30 do dia 5
Participação gratuita ׀ Inscrições através do telef. 249 540 900 (ext. 6841 ou 6842) e do email biblioteca@cm-ourem.pt
Horário da Biblioteca: segunda a sexta-feira das 09:00h às 18:00h, sábado das 09:30h às 13:00h, de outubro a junho
Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas

 

XVI FESTAMBO – Festival de Música e Dança de Ourém

Orquestra Académica da Universidade de Lisboa
Concerto Solidário-Ucrânia
Teatro Municipal – Sala Principal

Horário: 21h30
Classificação etária: M/06
Público: todos
Preço: 3,00€

Bilheteira TMO:
4.ª a 6.ª | 13:00h às 19:00h
Dia do espetáculo | 16h00-22h00
bilheteira.tmo@cm-ourem.pt | 916591231

 

 

Dia 5
ALBARDEIRINHOS – FESTA DA CRIANÇA

(Os Albardeirinhos vão à Biblioteca…)

Biblioteca Municipal de Ourém
“A Curiosidade Salvou o Gato” – Oficina de Teatro

– Sessão com duração entre uma a uma hora e meia, em que o foco principal será levar os participantes numa viagem criativa na pele de alguém que não a deles. O cruzamento com outras personagens da vida real ou do imaginário, numa descoberta constante do que é sentirmo-nos no lugar do outro. Tudo isto assente em dinâmicas teatrais – na expressão dramática, corporal, da voz e das emoções.

Orientado por Mafalda Pereira (Profissional da área do Teatro).

Horário: 10h00-11h15
Participantes: crianças dos 8 aos 12 anos
Horário: segunda a sexta-feira das 09:00h às 18:00h, sábado das 09:30h às 13:00h
Inscrição prévia na Biblioteca Municipal de Ourém | 249 540 900 (ext. 6841) | biblioteca@cm.ourem.pt

 

“VIAGEM MUSICAL”

– Os benefícios das vivências e práticas musicais, e artísticas, desde cedo, estão amplamente estudados e cientificamente comprovados. Quão mais cedo proporcionarmos às nossas crianças o contacto com o meio artístico, mais cedo estamos a incentivar o seu desenvolvimento cognitivo, a sua motricidade e a formá-los como cidadãos. Assim, através do ritmo, da melodia e do movimento, propomo-nos criar um momento em que pais e filhos podem estreitar laços e afetos através da música, numa viagem plena de sons e cores, associadas à partilha e aos sorrisos.

Orientado pelas Professoras Elsa Felicidade e Nádia Gomes(com experiência e formação na área pedagógica na pré-infância).

Horário: 15h30-16h10
Participantes: crianças dos 3 aos 6 anos
Horário: segunda a sexta-feira das 09:00h às 18:00h, sábado das 09:30h às 13:00h
Limite de inscrições: 15 crianças (só com um acompanhante na atividade, no entanto, poderão haver dois acompanhantes caso as inscrições não ultrapassem as 8 crianças).
Para esta atividade deve usar-se roupa confortável.
Inscrição prévia na Biblioteca Municipal de Ourém | 249 540 900 (ext. 6841) | biblioteca@cm.ourem.pt

 

 

DANÇAS MEDIEVAIS

Museu Municipal de Ourém – Castelo e Paço dos Condes

– “A dança assume um papel importante na época medieval, as danças mais animadas e divertidas realizadas pelo povo, as mais elaboradas, lentas e de luxo dançadas na corte”.

Oficina de danças medievais onde podemos vivenciar experiências, movimentos, ritmos e danças da época.

Horário: 16h00
Acesso gratuito | Inscrições prévias e obrigatórias
Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext.: 6831) | museu@cm.ourem.pt

 

 

Dias 5 e 6
BESTIARIUM, UMA FÁBULA MUSICAL

Teatro Municipal – Sala Principal

– Bestiarium é uma encomenda da editora Música et Orbi a nove dos mais conceituados compositores contemporâneos de música para Banda Sinfónica – Bert Appermont, Ferrer Ferran, Kevin Houben, Oscar Navarro, Jan Van Der Roost, Luís Serrano Alarcón, Robert W. Smith, Philip Sparke e Victoriano Valencia. O objetivo principal desta encomenda foi criar um “Carnaval dos Animais” escrito originalmente para a formação de Banda Sinfónica. Deste modo nasce a Suite Orquestral Bestiarium que retrata, através de efeitos sonoros – melódicos, rítmicos, harmónicos e de timbre – animais sui generis. Uma viagem inesquecível que passa por sons de animais extintos e em vias de extinção até aos mais esquecidos que muitas vezes passam despercebidos. Com a inclusão do arranjo de Yo Goto do verdadeiro Carnaval dos Animais de Camille Saint-Saëns. A direção musical está a cargo do maestro João Paulo Fernandes e Gabriel Lagarto desenha e ilustra ao vivo

Horário: Dia 5-18h00/Dia 6-10h00
Classificação etária: M/06
Público: dia 05, público geral
Preço: 5,00€ adulto e crianças/jovens até aos 18 anos 2,00€
Público: dia 06, público escolar (5.º ano)
Preço: gratuito
Duração: 75 min

Bilheteira TMO:
4.ª a 6.ª | 13:00h às 19:00h
Dia do espetáculo | dia 05 das 17:30h às 18:30h, dia 06 das 09:30h às 10:00h
bilheteira.tmo@cm-ourem.pt | 916591231

 

 

De 6 a 9
CIA – CIDADANIA INFORMADA E ATIVA | INICIAÇÃO À INTERNET PARA ADULTOS

União de Freguesias de Freixianda, Ribeira do Fárrio e Formigais

– Quer aprender a utilizar a internet? Esta Ação é para si! Inscreva-se!

Público-alvo: maiores de 18 anos, sem conhecimentos no acesso e na utilização da internet
Carga Horária: 10horas | máx 10 pessoas por ação
Participação gratuita
Informações e inscrições: Junta de Freguesia de Freixianda|uf.freixianda.farrio.formigais@gmail.com | 249 550 377
Biblioteca Municipal de Ourém | biblioteca@cm-ourem.pt | 249 540 900 (ext. 6841)
Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | RBPMT – Rede de Bibliotecas Públicas do Médio Tejo | RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas | Projeto financiado pelo Programa PADES da DGLAB – Direção-Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas

 

 

Dia 7
XVI FESTAMBO-festival de música e dança de Ourém

DIA ABERTO – DANÇAS LATINAS
AUDITÓRIO DA SEDE DA AMBO-ACADEMIA DE MÚSICA BANDA DE OURÉM

Horário: 21h00

 

 

Dias 7, 14, 21 e 28
HORA DO CONTO – VAMOS À CAÇA DO URSO!

Biblioteca Municipal de Ourém

– Oficina de leitura, no espaço infantil da BMO, à volta do livro recomendado pelo Plano Nacional de Leitura “Vamos à caça do urso!”, de Michael Roren e Helen Oxenbury (Ed. Caminho)

Horário: 10h00
Público-alvo: Crianças dos 03 aos 06 anos ׀ até 25 crianças por sessão
Participação gratuita ׀ Inscrições através do telef. 249 540 900 (ext. 6841 ou 8642).
Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas

 

 

Dia 9
DIA INTERNACIONAL DOS ARQUIVOS

“APRENDER NO MUSEU: DA ALDEIA DA CRUZ A VILA NOVA DE OURÉM”

Museu Municipal de Ourém – Auditório do Paço dos Condes de Ourém

– Em 25 de setembro de 1841, D. Maria II assinou o alvará de elevação da Aldeia da Cruz a vila, decretando a criação da Vila Nova de Ourém. O alvará, em pergaminho, assinala o momento e determina o futuro de um território.

Horário: 10h30
Público-alvo: 12 aos 18 anos
Limite de participantes: min. 6 | máx. 25
Acesso gratuito | Inscrições prévias e obrigatórias até dia 7 de junho
Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6831) | museu@cm.ourem.pt

 

“APRENDER NO MUSEU – NOS BASTIDORES DO MUSEU” – EDIÇÃO ESPECIAL DIA DOS ARQUIVOS

Casa do Administrador, Oficina do Património, Arquivo Histórico Municipal

– Da “montra” na Casa do Administrador, os participantes são conduzidos aos    bastidores” do Museu na Oficina do Património e no Arquivo Histórico Municipal. Cada objeto e documento sai do esconderijo e renasce no seu papel de narrativa sobre memórias identitárias de Ourém. O Museu para além da exposição é a proposta desta visita, que apresenta serviços (a conservação e o restauro, o inventário de peças museológicas…) explicados por profissionais que trabalham na construção de um futuro sustentado em alicerces sólidos.

Horário: 14h30
Participantes: dos 06 aos 18 anos, adultos e idosos – Mín. 6/máx. 25
Duração:01.30h

 

 

De 9 a 11
COMEMORAÇÕES DO 25 ANIVERSÁRIO DA ELEVAÇÃO DE FÁTIMA A CIDADE

FESTIVAL DA PAZ FILSTONE
Pedreiras do Moimento

As noites começam com atuaçães de bandas locais e terminam, noite dentro, com a melhor música por diversos dj’s.
Artistas principais:
Dia 9: TOY
Dia 10: ANJOS + Smells like 90’s
Dia 11: D.A.M.A + Paredão Baile Funk
Além das tradicionais tasquinhas, a entrada é livre!
Haverá ainda o Night Trail Festival da Paz Filstone 2022, inserido no Festival, no dia 10, um torneio de futebol inter freguesias, para os mais pequenos, e um de petanca para os graúdos.

Horários:
Dias 9 e 11 – das 19h00 às 04h00
Dia 10 – Das 12h00 às 04h00

 

 

Dia 10
XVI FESTAMBO – Festival de Música e Dança de Ourém

N´OUTROS TEMPOS, PELA ORQUESTRA TÍPICA DE OURÉM
Praça D. Maria II-Ourém

Horário: 21h30
Classificação etária: M/06

 

 

Dia 11
XVI FESTAMBO – Festival de Música e Dança de Ourém

“DAS RAÍZES À CONTEMPORANEIDADE”
Paço dos Condes de Ourém
Horário: 18h00

 

A VERDADE TEM 3 BOCAS, POR GRAEME PULLEYN

Teatro Municipal – Sala Principal
A pergunta não é: o que é que gostas de comer?
A pergunta é: o que é que te alimenta?
A pergunta não é: o que é que não gostas?
A pergunta é: o que é que te é indigeste?

Três personagens, três histórias, três versões de uma só verdade:
Uma mãe que dá um pacote de batatas fritas à filha para o pequeno almoço.
Uma filha que vai para a cama com metade de Portugal.
Um pai que constrói uma casa para de seguida a destruir com as suas próprias mãos.
Uma figura enigmática que veste uma t-shirt de Jesus Cristo, vende analgésicos e conta histórias maravilhosas de pica-paus, de árvores bebé e de redenção.

A desgraça, o arrependimento, a crueldade são dados adquiridos. São a dura verdade da condição humana e da convivência das mulheres e dos homens que se encontram por acaso no mesmo espaço e no mesmo tempo e procuram encontrar um sentido para o momento que partilham.

Podes ter fome de amor.
De respeito. Atenção. Consideração.
Podes ter fome de humilhação. Dor. Anestesia.
Podes ter fome de luxo Excitação. Sexo. Sucesso.
De bebida. Aventura. Poder
Podes sentir fome de ter uma família à volta.
De crianças. De significado.
De perdão. Paz. Bem-estar.

A morte é uma presença constante neste emaranhado de enredes, de sentidos e de verdades.
Para a vida não há receitas certas, mas há combinações de ingredientes que nos dão sabor, que nos deliciam, que nos confortam, que nos aproximam, que nos alimentam:
Uma mulher que caminha por um bosque de castanheiros onde em cada árvore está gravado o nome de uma mãe, de uma avó, de uma bisavó e das filhas e netas que nasceram dos seus ventres.
Uma filha que corre, não para fugir, não para agradar à sua mãe, mas em busca do amor, da felicidade que é o seu direito.
Um homem que começa percussionista falhado, vira ladrão e acaba cozinheiro, aquele que apanha as lágrimas e as transforma em música.

Horário: 21h30
Público: geral
Preço: 10,00€ (c/descontos aplicáveis)

Bilheteira TMO:
4.ª a 6.ª | 13:00h às 19:00h
Dia do espetáculo | das 09:30h às 10:30h
bilheteira.tmo@cm-ourem.pt | 916591231

 

 

Dia 12
XVI FESTAMBO – Festival de Música e Dança de Ourém
Encontro de coros

Espetáculo de Encerramento do FESTAMBO

CHORUS AURIS-OURÉM
ORFEÃO DE LEIRIA
CORAL VERA CRUZ (AVEIRO)

Igreja de Nossa Senhora da Piedade-Ourém
Horário: 16h30

 

 

De 13 a 17
CIA – CIDADANIA INFORMADA E ATIVA | INICIAÇÃO À INTERNET PARA ADULTOS

Freguesia de Nossa Senhora das Misericórdias

– Quer aprender a utilizar a internet? Esta Ação é para si! Inscreva-se!

Público-alvo: maiores de 18 anos, sem conhecimentos no acesso e na utilização da internet
Carga Horária 10horas | máx 10 pessoas por ação

Participação gratuita
Informações e inscrições: Sede da Junta de Freguesia de Nossa Senhora das Misericórdias| jf_misericordias@sapo.pt | 249 543 734
Biblioteca Municipal de Ourém | biblioteca@cm-ourem.pt | 249 540 900 (ext. 6841)

Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | RBPMT – Rede de Bibliotecas Públicas do Médio Tejo | RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas | Projeto financiado pelo Programa PADES da DGLAB – Direção-Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas

 

 

Dia 14
LANÇAMENTO DO LIVRO “PORTUGAL NO CORAÇÃO”, DE RUI DUQUE

Biblioteca Municipal de Ourém

– Rui Duque nasceu em Lisboa a 20 de dezembro de 1979. Com 7 anos de idade os seus pais mudaram-se para a Ourém. Frequentou o Colégio de S. Miguel em Fátima e após o 12º ano começou a trabalhar como Monitor de desportos aventura. Em 2004 regressou a Lisboa e trabalha numa loja de comércio de equipamentos de aventura.

Influenciado pelas inúmeras fotografias que os seus pais tiraram durante as viagens de turismo, realiza vários cursos de fotografia, participa em alguns concursos e mantem-se ativo na arte de fotografar. Em 2009 o desaparecimento físico do seu pai faz com que a sua forma de ver a vida se altere. Regressa a Lisboa (sem saber) para os seus 3 últimos anos de trabalho “reconhecido”. Chega à conclusão que a vida está a passar demasiado rápido e despede-se do trabalho e da relação de 7 anos para ir viver sozinho numa tenda Yurt, em Figueira de Castelo Rodrigo.

Aprofunda o conhecimento interior através de inúmeras formações em terapias e começa a dinamizá-las localmente e em festivais de verão. Em 2019 regressa a Ourém, onde se encontra atualmente.

Sinopse do livro:
O ano de 2020 foi especialmente importante para o autor. Inspirado pela oportunidade de se reinventar tentou vencer o (no) amor e saiu derrotado. Foram essas impermanentes sensações o gatilho para perder peso em três meses, mas ainda faltava qualquer coisa: A resposta à pergunta: o que é eu procuro nos outros que nego a mim mesmo?

A intuição levou-o a sair da zona de conforto e procurar um Mundo seguro e com amor. Associou a essa causa o projeto Partilha Amor que fundou em 2017, com o objetivo de entregar corações de barro para dar consciência do amor-próprio e de como gestos simples ajudam os outros. Colocou a mochila de 15 quilos às costas e realizou a viagem ao perímetro de Portugal. Percorreu 1094 quilómetros a pé e recebeu 116 boleias. Entregou 450 corações de barro e 600 autocolantes durante 82 dias, de agosto a outubro de 2020. O livro descreve esta viagem, com os seus altos e baixos em relevo e emoções. Os maiores desafios foram a falta de boleia, a superação física, a perceção de comportamentos automáticos e um turbilhão de sensações apresentados agora sob a forma de registo diário e fotografias.

Horário: 19h00
Público-alvo: Público em geral
Entrada livre
Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | Grupo Editorial Atlântico

 

 

Dias 14 e 15
O NINHO, POR PARTÍCULAS ELEMENTARES, TEATRO DE MARIONETAS.

– Teatro Municipal – Caixa de Palco

“Sei um ninho.
E o ninho tem um ovo.
E o ovo, redondinho.
Tem lá dentro um passarinho
Novo.” (Segredo, Miguel Torga 1956)

O Ninho teve como inspiração um dos poemas mais singelos do escritor português Miguel Torga, que em poucas linhas revela que um segredo bem guardado pode fortalecer uma amizade verdadeira. O Ninho é um projeto mais recente das Partículas Elementares e é também o mais arriscado, pois a companhia propõe-se a contar a história sem uma única palavra. Poesia visual pura, O Ninho revela-se nos detalhes. Com um enredo minimalista, a narrativa faz-se de um acaso; a curiosidade de um menino, despertada por uma mera coincidência, desencadeia o início de uma teia de afetos. Em palco, Carlos Silva, autor e único intérprete da obra, surge numa encenação comedida, que ganha força com o trabalho plástico expressivo, emotivo e surpreendente de Leonor Bandeira. Com um cenário com poucos artifícios, uma única personagem principal, três elementos secundários e uma banda sonora que complementa toda a peça, O Ninho é um projeto notável, que deixa no público, crianças e adultos, uma vontade imensa de deixar à solta a imaginação.

O Ninho é um convite à valorização das coisas simples da vida, as que são fáceis de entender e as que devemos guardar como as mais importantes.

Horário: 10h00 e 14h30
Classificação etária: M/03
Público: escolar
Preço: 2,00€ p/criança
Duração: 35 min

Bilheteira TMO:
4.ª a 6.ª | 13:00h às 19:00h
Dia do espetáculo | das 09:30h às 10:30h
bilheteira.tmo@cm-ourem.pt | 916591231

 

 

De 15 a 20
FEIROURÉM

CENTRO MUNICIPAL DE EXPOSIÇÕES DE OURÉM
PARQUE DA CIDADE ANTÓNIO TEIXEIRA

Dia 15 – ANA BACALHAU
Dia 16 – BÁRBARA BANDEIRA
Dia 17 – BLAYA
Dia 18 – DANIELA MERCURY
Dia 19 – TONY CARREIRA
Dia 20 – RUIZINHO DE PENACOVA

Horário dos concertos: 22h00

FeirOurém’2022 – Bilhetes à venda

 

 

Dias 19, 19, 25 e 26
COMEMORAÇÕES DO 25º ANIVERSÁRIO DA ELEVAÇÃO DE FÁTIMA A CIDADE

FESTIVAL DE MÚSICA DE FÁTIMA

Auditório do Conservatório de Música de Fátima

 

 

Dia 19
DANÇAS NO MUSEU

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

– Oficina de Danças Tradicionais da Europa. Em roda, coluna, a pares ou individualmente viajamos por vários países, ritmos e culturas. O corpo rodopia em movimentos mágicos e divertidos.

Horário: 16h00
Acesso gratuito | Inscrições prévias e obrigatórias
Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext.: 6831) | museu@cm.ourem.pt

 

 

Dias 22 e 23
SEMANA ACESSO CULTURA 2022 – “PORTAS ABERTAS: BASTIDORES DO MUSEU”

– Este ano propõe-se uma reflexão em torno do que é o acesso e a criação de uma maior consciência em relação ao tema. O Museu Municipal de Ourém vai participar na atividade “Portas Abertas”, dando ao público a oportunidade de visitar os seus bastidores e de conhecer as suas histórias, segredos e curiosidades.

Da “montra” na Casa do Administrador, os participantes são conduzidos aos “bastidores” do Museu na Oficina do Património e no Arquivo Histórico Municipal. Cada objeto e documento sai do esconderijo e renasce no seu papel de narrativa sobre memórias identitárias de Ourém. O Museu para além da exposição é a proposta desta visita, que apresenta serviços (a conservação e o restauro, o inventário de peças museológicas…) explicados por profissionais que trabalham na construção de um futuro sustentado em alicerces sólidos.

Horário: 10h30
Público-alvo:  maiores de 6 anos
Limite de participantes: min. 6 | máx. 25
Acesso gratuito | Inscrições prévias e obrigatórias até dia 17 de junho
Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6831) | museu@cm.ourem.pt

 

 

Dia 24
IOGA, MEDITAÇÃO E LEITURA

Parque da Cidade António Teixeira-Ourém

– A atividade irá intercalar momentos de leitura, ioga e meditação.

Leitura de excertos do livro “Siddhartha: um poema indiano”, de Herman Hesse.
Atividade organizada no âmbito do projeto Ler+ Qualifica, com o objetivo de fomentar o gosto pela leitura na população adulta.

Horário: 18h30
Organização: Centro Qualifica da Insignare | Biblioteca Municipal de Ourém | Espaço Om Shanti – Terapias Holísticas | Plano Nacional de Leitura | LER+ |RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas

 

 

De 24 até 31 de agosto
RGB (RED, GREEN, BLUE)

Castelo, Paço dos Condes de Ourém e Torreões

– Programa artístico que une Cultura Popular, Arte, Educação, Tecnologia, Criatividade, Ambiente, Território, que questiona e explora as relações da Humanidade, da Natureza e das Máquinas, cujo equilíbrio e eminentes desequilíbrios resultam de um esforço constante de manutenção de relações sociais, pessoais e interiores, da humanidade com o que a rodeia, natural ou artificial.

Este projeto pretende também refletir sobre o contacto físico e emocional entre as pessoas e consigo mesmo, numa era em que o sentido da vida é preenchido por sensações vazias ou que geram um vazio. O RGB provocará a comunidade de Ourém a ver, sentir, participar, pensar, refletir e fruir de experiências que instigam ao expirar longo e profundo.

O RGB enquanto sistema de cores, simboliza os 3 actos em que este programa decorrerá, em 3 períodos distintos no ano de 2022 e nos 3 pontos da relação que pretendemos abordar:
R [red] para a Humanidade e o Sentir;
G [green] para a Natureza e a Vida;
B [blue] para as Máquinas, a Tecnologia, o futuro.

Classificação etária: p/todos
Público: geral
Preço: acesso gratuito

 

 

Dia 25
FUTEBOL, PELO TEATRO O BANDO E TEATRO DE MONTEMURO

Teatro Municipal – Sala Principal

– FUTEBOL (2021) é um diálogo entre o jogo teatral e a ludicidade de um desporto de massas num confronto das MINORIAS com as MAIORIAS. Este espectáculo desenvolvesse em cocriação com o Teatro de Montemuro com quem no âmbito da Programação regular que iniciámos em 2013, fomos aprofundando o conhecimento das pessoas e dos espaços, dos lugares físicos e dos Territórios que ocupam bem como das inquietações que os ocupam. Fruto desta criação de laços afetivos e artísticos foi-se desenvolvendo um projeto de Cocriação com o Teatro Regional da Serra de Montemuro para desenvolver um espetáculo que junta dois universos aparentemente distantes mas que comungam o jogo, a paixão e a técnica.

A dramaturgia de parte dos livros “A História Natural do Futebol” de Álvaro Magalhães – uma obra que visa o lado ancestral, filosófico e antropólogico dos jogos com bola; e “Uma História Popular do Futebol”, do jornalista luso-descendente Mickaël Correia, uma investigação que, através da história do jogo acompanha a evolução da sociedade e da política, dos movimentos sociais e culturais desde os finais do séc XIX.

FUTEBOL insere-se no projecto internacional Play On, projecto europeu de larga escala que envolve 9 companhias de diferentes países europeus e que pretende explorar novas formas de contar histórias utilizando tecnologias imersivas. Neste âmbito contamos já com a parceria do Digital Creativity Lab da Universidade de York (Inglaterra) através da integração de Ben Kirman. Além do espectáculo de sala, esta será uma Cocriação de raiz comunitária que pretende envolver e juntar à volta do mesmo objeto artístico a Comunidade de Campo Benfeito e de Palmela, na criação de um grande evento ao ar livre com mais de meia centena de participantes que se apresentará nos 2 locais. Dirigido por João Neca (O Bando) e com dramaturgia de João Neca e Miguel Jesus (O Bando) o elenco contará com Abel Duarte e Eduardo Correia (Montemuro) e Nylon Princeso e Raul Atalaia (O Bando). A confluência artística alarga-se às outras áreas de criação: na conceção visual do espetáculo Rui Francisco (cenografia – O Bando) e Maria João Castelo (figurinos e adereços – Montemuro); na concepção musical Jorge Salgueiro (composição e direção musical – O Bando) e Rui Souza (direção e interpretação musical – Montemuro). Ben Kirman (Play On) assumirá o design digital e Paulo Duarte assume o desenho e a montagem de luz.

Horário: 21h30
Classificação etária: M/12
Público: geral
Duração: 60 min

Bilheteira TMO:
4.ª a 6.ª | 13:00h às 19:00h
Dia do espetáculo | 16:00h às 22:00h
bilheteira.tmo@cm-ourem.pt | 916591231

 

 

Dia 26
BOAS VINDAS AO VERÃO

EXPLORAR OURÉM: ‘PEDDY PAPER’ NO AGROAL

Parque Natureza do Agroal

– Um percurso de 2km cheio de surpresas e desafios, onde a natureza nos envolve através da geologia e da biologia do local e a História nos leva a viajar a tempos passados longínquos.

Horário: 10h00
Público-alvo: Famílias
Limite de participantes: 3 a 5 famílias
Acesso gratuito | Inscrições prévias e obrigatórias até dia 22 de junho
Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6823) | museu@cm.ourem.pt

 

 

De 27 a 1 de julho
CIA – CIDADANIA INFORMADA E ATIVA | INICIAÇÃO À INTERNET PARA ADULTOS

Freguesia de Seiça

– Quer aprender a utilizar a internet? Esta Ação é para si! Inscreva-se!

Público-alvo: maiores de 18 anos, sem conhecimentos no acesso e na utilização da internet

Carga Horária: 10horas | máx 10 pessoas por ação

Participação gratuita
Informações e inscrições: Sede da Junta de Freguesia de Seiça| freguesiaseica@gmail.com | 249 545 197
Biblioteca Municipal de Ourém | biblioteca@cm-ourem.pt | 249 540 900 (ext. 6841)
Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | RBPMT – Rede de Bibliotecas Públicas do Médio Tejo | RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas | Projeto financiado pelo Programa PADES da DGLAB – Direção-Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas

 

______________________

EXPOSIÇÕES

 

02 a 30
EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIA “SHARING LOVE EM SANTO ANTÃO – CABO VERDE”

Biblioteca Municipal de Ourém

– Esta é uma exposição de trabalhos fotográficos das missões da “Associação Sharing Love” em Santo Antão, Cabo Verde. Os registos são das missões de 2018 e 2019 e retratam as atividades da Associação e as comunidades que apoiam.
A “Associação Sharing Love” é uma associação som sede em Ourém, que apoia desde 2017 escolas do Município do Porto Novo, em Santo Antão – Cabo Verde. Nos últimos 5 anos, entre outras vertentes, tem vindo a apoiar na área da Educação a ilha cabo-verdiana, com equipamentos informáticos, material escolar e instalação de duas bibliotecas.
Nesta exposição dá a conhecer registos das suas missões, no seu 5.º aniversário de existência.

Horário: Segunda a sexta-feira das 9h às 18h | Sábado das 9h30 às 13h
Entrada Livre
Mais inf.: Tel. 249 540 900 (ext. 6841 ou 6842) | biblioteca@cm.ourem.pt
Organização: Biblioteca Municipal de Ourém | RNBP – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas

 

 

Até 5 de JUN.
EXPOSIÇÃO “ARTENTA” DOS ALUNOS DE ARTES DA ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE OURÉM

GALERIA DA VILA MEDIEVAL DE OURÉM
(10º, 11ª e 12º anos, das disciplinas de Desenho, Oficina de Artes, Oficina Multimédia e Clube de Cerâmica)

919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6823)
museu@cm.ourem.pt
3.ª Feira a Domingo – 10:00H às 13:00H e das 14:00H às 18:00H
Acesso gratuito

Inauguração da exposição “AЯtenta”

 

 

De 9 de junho a 4 de setembro
PERSPETIVAS COM HISTÓRIA – Exposição dos alunos do 11.º ano do curso de design, cerâmica e escultura do Colégio São Miguel

Galeria da Vila Medieval

Perspetiva: nome feminino

1. Arte de figurar no desenho as distâncias diversas que separam entre si os objetos representados.
2. Pintura no fim de galeria ou de alameda de jardim para iludir a vista.
3. Aspeto dos objetos vistos de longe.
4. Panorama, vista.
5. Aparência.
6. Esperança.
7. Receio.
8. Previsão.
“perspetiva”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/perspetiva [consultado em 06-05-2022].

– Os trabalhos apresentados resultam de um processo de ensino-aprendizagem, realizado com alunos do 11.º ano do curso com plano próprio de Design, Cerâmica e Escultura, do Colégio de São Miguel (Fátima), ao longo do 1.º e 2.º períodos do ano letivo 2021/2022 na disciplina de Desenho e Pintura, no conteúdo programático que aborda a “Representação do espaço – As perspetivas”.

Foi proposta a realização de duas aguarelas a cada aluno, tendo como partida a visita de estudo e a recolha fotográfica efetuada à Vila Medieval de Ourém.
Este projeto foi desenvolvido no âmbito do Plano Nacional das Artes, em parceria com o Teatro Municipal de Ourém e Câmara Municipal de Ourém.

Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6999) | museu@cm.ourem.pt

 

 

até 29 JUL.
ARTE CONTEMPORÂNEA TROCADA POR MIÚDOS

AUDITÓRIO CULTURAL DOS PAÇOS DO CONCELHO

– O Teatro Municipal de Ourém, através do seu Projeto Educativo, Mediação e Envolvimento da Comunidade, promove esta exposição com o que resulta do apoio à criação artística e à capacitação da comunidade educativa. Em “Arte contemporânea trocada por miúdos”, onde os alunos da EBSO são convidados a explorar das mais diversas formas a coleção Norlinda e José Lima, uma das maiores coleções de arte privadas do país que compreende aproximadamente mil e duzentas obras de arte onde estão representados cerca de duzentos e cinquenta artistas portugueses e duzentos e trinta artistas internacionais. Com mediação e apoio na curadoria de Rita Luiz e integrada na proposta para candidatura ao Plano Nacional das Artes.

Das 10:00H às 17:00H
Acesso gratuito

 

 

De 17 de junho a 31 de julho
EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIA “Ourém da Amazônia – 406 anos de História e Beleza Natural”

Posto de Turismo de Fátima

– «O Município de Ourém faz parte da Amazônia e fica a 182 Km de distância de Belém, capital do estado do Pará. Com um clima equatorial, Ourém é considerada a *Pérola do Guamá* pela beleza natural e hospitalidade de seu povo. Privilegiada pela natureza, tem nos seus igarapés (pequenos rios) de água cristalina o passatempo e lazer da população ouremense e de todos aqueles que nos visitam. Na Diocese de Bragança ocupamos o 1º lugar como o município mais católico, com 87,2% da população.

Nossa Senhora da Conceição é a padroeira de Ourém e a maior festividade é o Círio de Nossa Senhora de Nazaré, padroeira dos paraenses e Rainha da Amazônia.
Grande destaque para o Círio de Nossa Senhora de Fátima na Comunidade Vila de Fátima e a grande devoção a São Benedito, considerado o Santo dos mais pobres e desprotegidos.

Horário: Segunda a sexta-feira das 9h00 às 13h00 e das 14h às 17h00 – Fim de semana das 9h00 às 13h00 e das 14h às 18h00
Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6831) | cultura@cm.ourem.pt

 

 

Até 31 de julho
ArteFacto – EXPOSIÇÃO A PARTIR DA COLEÇÃO PARTICULAR DE ARTE CONTEMPORÃNEA DE NORLINDA E JOSÉ LIMA

Auditório Cultural dos Paços do Concelho

ARTE CONTEMPORÂNEA TROCADA POR MIÚDOS

 

– O Teatro Municipal de Ourém, através do seu Projeto Educativo, Mediação e Envolvimento da Comunidade, promove esta exposição como que resulta do apoio à criação artística e à capacitação da comunidade educativa. Em “Arte Contemporânea Trocada Por Miúdos”, onde os alunos da EBSO são convidados a explorar das mais diversas formas a coleção Norlinda e José Lima, uma das maiores coleções de arte privadas do país que compreende aproximadamente mil e duzentas obras de arte onde estão representados cerca de duzentos e cinquenta artistas portugueses e duzentos e trinta artistas internacionais. Com mediação e apoio na curadoria de Rita Luiz e integrada na proposta para candidatura ao PNA – Plano Nacional das Artes

ArteFacto, é um culminar do projeto Arte Contemporânea Trocada Por Miúdos. Foi lançado um desafio à turma do 12º ano de artes da Escola Básica e Secundária de Ourém a serem responsáveis por todo o trabalho que está por detrás da conceção e preparação de uma exposição. Emoção, envolvência e processo, foram palavras de ordem para a seleção das obras finais da exposição, que tem como objetivo dar a conhecer uma diversidade de artistas nacionais e internacionais do nosso tempo. A exposição, patente desde 26 de maio até 31 de julho de 2022, convida o espetador a entrar num universo artístico, a refletir sobre as relações criadas entre as obras de arte e a descobrir as sensações e emoções que as mesmas nos transmitem.

Classificação etária: para todos
Público: geral
Preço: Acesso gratuito
Visitas guiadas com marcação através do email mediacao.tmo@cm-ourem.pt
Inf. Teatro Municipal de Ourém | 964 166 426 | 249 591 416      | geral.tmo@cm-ourem.pt

 

 

Até 31 de agosto
EXPOSIÇÃO “FORMAS E EXPRESSÕES”

Consolata Museu – Arte Sacra e Etnologia

– Exposição da obra pictórica do artista Francisco Silva, natural de Moita Redonda, freguesia de Fátima. Com o título “Formas e Expressões”, esta exposição temporária quer trazer em relevo uma obra de expressão artística única, com diversas formas e expressões. A Exposição conta ainda com algumas esculturas de Celina Vicente. Esta exposição é organizada com o apoio da Liga de Amigos do Museu (LAMASE).

Horário: de terça-feira a sábado das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00
E-mail museuartesacra@consolata.pt
Blogue: http://masefatima.blogspot.com
Sítio: www.consolata.pt

 

 

Até 15 de outubro
EXPOSIÇÃO “OS ROSTOS DE FÁTIMA”

Convivium de Santo Agostinho | Basílica da Santíssima Trindade

– Fisionomias de uma paisagem espiritual

“Os rostos de Fátima: fisionomias de uma paisagem espiritual” é uma história de Fátima contada a partir dos nomes que a fi zeram. Em tempo de pandemia, a exposição convida a refl etir sobre o tema da morte e da vida como momentos luminosos da peregrinação do homo viator.

Marcação para visitas para grupos (museuvisitas@fatima.pt) | Entrada livre
2.ª feira a domingo: 09:00h às 12:45h / 14:00 às 17:45h (última entrada)
Encerra dia 24 de dez., de tarde; dia 25 de dez. e dia 1 de jan.

 

 

EXPOSIÇÃO “(A)RISCAR O PATRIMÓNIO EM OURÉM”

Museu Municipal de Ourém – Castelo e Paço dos Condes

– Depois das atividades (A)Riscar o Património realizadas na Vila medieval em 2019, e no núcleo urbano da cidade de Ourém em 2021, O Museu Municipal de Ourém promove uma mostra dos desenhos.

Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6991) | museu@cm.ourem.pt

 

 

MOSTRA FOTOGRÁFICA “PATRIMÓNIO E MEMÓRIA DA REABILITAÇÃO DO CASTELO E PAÇO DOS CONDES”

Museu Municipal de Ourém – Castelo e Paço dos Condes
Inf. Museu Municipal de Ourém | 919 585 003 | 249 540 900 (ext. 6991) | museu@cm.ourem.pt

 

____________________

CONCURSO

Até 30 de junho
Concurso Fotográfico “O Nosso Património, Fátima – 25 Anos Cidade”

O concurso tem como objetivo a promoção do património material e natural da freguesia de Fátima através da utilização da arte fotográfica, fazendo a ligação entre a parte rural e a cidade de Fátima – o passado e o presente do nosso património.

 

_____________________

SUGESTÃO DE LEITURA
Biblioteca Municipal de Ourém

“Uma viagem extraordinária: história imaginada a partir de obras de Amadeo de Souza-Cardoso”, de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada ; design gráfico TVM Designers ; coord. ed. Clara Vilar. – Lisboa : Fundação Calouste Gulbenkian, 2016. – 67, [1] p. : il. color. 24 cm. – Obra publicada no âmbito da exposição “Amadeo de Souza-Cardoso, 1887-1918” patente no Grand Palais, Paris (França), de 20 de Abril a 18 de Julho de 2016; por ocasião das comemorações do 60º aniversário da Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa.- ISBN 979-989-8807-23-6

Sinopse:
Amadeo Ferreira de Souza-Cardoso nasceu a 14 de novembro de 1887, em Manhufe, Freguesia de Mancelos, Concelho de Amarante. Filho de José Emygdio de Souza-Cardoso, grande proprietário rural e de Emília Cândida Ferreira Cardoso. O seu tio materno, Francisco José Lopes Ferreira Cardoso, carinhosamente apelidado de “Tio Chico”, apoia-o desde muito novo na sua vocação artística. Foi simultaneamente um pintor figurativo e abstrato que usava as formas geométricas nos seus quadros e que foi influenciado pelas obras de Gino Severini (1883-1966), Fernand Léger (1881-1955), Umberto Boccioni (1882-1916), Amedeo Modigliani (1884-1920), Juan Gris (1887-1927) e Georges Braque (1882-1963). Foi ao mesmo tempo um pintor Impressionista, Cubista, Futurista, Expressionista e Simbolista e não seguia nenhuma escola de arte: odiava o academismo e a imitação das obras de arte antigas, desprezando a arte renascentista.

Procurou sempre a autenticidade e a liberdade total nas suas pinturas. Não tinha um estilo predefinido: estava constantemente a mudar. As suas pinturas são coloridas e apaixonadas e nelas é possível percecionar o dinamismo e o movimento dos objetos representados.

Neste livro Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada apresentam-nos uma história imaginada à volta das obras deste extraordinário pintor português.

 

 

Partilhar:

Veja também

Mapa do Site Acessibilidade CMOurém © 2022 - Todos os direitos reservados