EN FR PT ES

No concelho de Ourém a gestão de resíduos sólidos urbanos é assegurada por três empresas que são parceiras do município nesta matéria, nomeadamente:

  • A SUMA – Serviços Urbanos e Meio Ambiente S.A que através de um contrato de prestação de serviços celebrado em 1995 e renegociado em 2011 com clara melhoria dos serviço, é responsável pela recolha e transporte até à Estação de Transferência de Gondemaria (ETG) de resíduos sólidos urbanos e pela limpeza urbana;
  • A VALORLIS – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, S.A., criada a 6 de agosto de 1996, pelo Decreto-Lei 116/96, é uma empresa participada pela EGF – Empresa Geral de Fomento, S.A. e pelos Municípios de Batalha, Leiria, Marinha Grande, Ourém, Pombal e Porto de Mós, sendo responsável pelo transporte em alta e tratamento de resíduos sólidos urbanos e por todo o sistema que envolve os resíduos sólidos urbanos recicláveis;
  • A Ourémviva E.E.M responsável para recolha de monos.

Para além dos resíduos sólidos urbanos indiferenciados, os resíduos sólidos urbanos recicláveis e os monos, da competência da Câmara Municipal de Ourém, existem outros fluxos de resíduos, do mercado privado, que o Município acompanha, nomeadamente os resíduos de construção e demolição (RCD’s), os resíduos de medicamentos e suas embalagens, os resíduos de óleos usados, os resíduos de equipamentos elétricos e eletrónicos (REEE), entre outros, garantindo que os mesmos têm um destino adequado.

No Concelho de Ourém existem, assim, vários sistemas de recolha de resíduos nomadamente:

  • Recolha Indiferenciada
  • Recolha Consignada
  • Recolha Seletiva
  • Recolha de Monos
  • Outros fluxos de resíduos (REEE; Resíduos Industriais)
Mapa do Site Acessibilidade CMOurém © 2019 - Todos os direitos reservados