Mainnav Content Mainbody
Reduzir fonte Letra tamanho normal Aumentar fonte

Biblioteca - Pesquisa

Biblioteca

Normas de Funcionamento

1. Inscrição
2. Consulta local
3. Empréstimo
4. Audiovisuais
5. Espaço multimédia
6. CD-ROM
7. Serviço de Reprografia
8. Responsabilização
9. Disposições Gerais
10. Horário

1. Inscrição
1.1. A inscrição como leitor é condição indispensável para poder usufruir dos serviços da Biblioteca;
1.2. É gratuita, está disponível para todos os residentes e para aqueles cujo local de trabalho ou estudo seja o Concelho de Ourém;
1.3. A inscrição de leitor com idade inferior a 18 anos, implica a autorização e responsabilização dos Pais ou Encarregados de Educação;
1.4. No acto de inscrição o utilizador deverá apresentar um documento de identificação (CC, BI, carta de condução, cédula ou passaporte) 1 foto a cores e documento comprovativo de residência (Recibo de água, luz ou telefone).

2. Consulta Local
2.1. São de Consulta Local todos os fundos bibliográficos assinalados no número de registo com a letra R e/ou com círculo autocolante vermelho na lombada:
• Obras de Referência;
• Obras do Fundo Local;
• Últimos números das Publicações Periódicas;
• Obras raras ou em mau estado de conservação.

2.2. Uma vez a Biblioteca Municipal de Ourém não possui sistema anti-roubo de obras, antes de utilizar o espaço de consulta, todos os utilizadores devem deixar malas, mochilas, ou outros sacos pessoais nos cacifos que estão à entrada da Biblioteca e levar para o espaço de consulta apenas a respetiva chave, cadernos, livros, computadores portáteis e material de escrita de que necessitem.

3. Empréstimo
3.1. Estão disponíveis para empréstimo domiciliário, todos os fundos documentais da Biblioteca excepto os documentos discriminados no 2.1 destas normas;
3.2. O Empréstimo Domiciliário faz-se mediante a apresentação, no balcão de recepção, do Cartão de Leitor e dos documentos que se pretender requisitar;

3.3. Cada utilizador poderá requisitar até cinco monografias por um período de 15 dias e três documentos de material não-livro, por um período de 3 dias, tendo a possibilidade de duas renovações por igual período desde que não haja leitores interessados na obra, em lista de espera;
3.4. O pedido de renovação de prazo do número anterior também pode ser feito presencialmente, por telefone ou por email;
3.5. Se a devolução não for feita no prazo estabelecido, o leitor será avisado através de email (1.º aviso) e através de uma carta (avisos seguintes).

4. Audiovisuais
4.1. O manuseamento do material audiovisual é da exclusiva responsabilidade do funcionário da sala;
4.2. A utilização do equipamento audiovisual está sujeita a marcação prévia a efectuar no próprio dia para os utilizadores individuais;
4.3. Para utilizadores em grupo, será feita a marcação com a antecedência mínima de dois dias e ficará sujeita à disponibilidade do espaço e de vaga no horário pretendido.

5. Espaço Multimédia
5.1. Define-se como utilizador, o indivíduo interessado e capaz de aceder autonomamente ou com auxílio do funcionário da Biblioteca Municipal, à Internet e restante material disponível na mesma;
5.2. A utilização é gratuita, no entanto, o utilizador deve ser portador do cartão de leitor da biblioteca;
5.3. Deve ser utilizada essencialmente para pesquisa de informação e consulta de páginas de interesse público;
5.4. O utilizador deve preencher uma ficha de inscrição e aguardar pela sua vez;
5.5. Não devem ser consultados sites que tenham informações que possam sensibilizar outras pessoas;
5.6. Não devem ser utilizados sites de conversação em tempo real (salas de chat);
5.7. O nº máximo de utilizadores por computador é de dois, podendo ser excedido com justificação plausível;
5.7. O tempo máximo de utilização, individual ou colectiva, é de 60 minutos;
5.8. O custo de cada impressão, formato A4 consta da Tabela de Taxas e Licenças do Município de Ourém, atualizada anualmente;
5.9 Não devem alterar as configurações dos computadores;
5.10. O computador não deve ser desligado.

6. CD-ROM
6.1. O manuseamento dos CD-ROM é da exclusiva responsabilidade dos funcionários da Biblioteca Municipal;
6.2. As folhas impressas a partir da consulta dos CD-ROM serão pagas pelo preço estipulado para as outras impressões.

7. Serviço de Reprografia
7.1. Podem ser tiradas fotocópias a livros de consulta local, excepto:
7.1.1. Os livros em mau estado de conservação;
7.1.2. Livros de comprovado valor documental;
7.1.3. A reprodução integral de livros, de acordo com o código de direitos de autor.
7.2. O custo de cada fotocópia, formato A4, consta da Tabela de Taxas e Licenças do Município de Ourém, atualizada anualmente.

8. Responsabilização
8.1. Cada utilizador é responsável pelo estado de conservação e pelo eventual extravio das obras que lhe são emprestadas, bem como de todo o material utilizado nas instalações da biblioteca, incluindo material informático;
8.2. O não cumprimento dos prazos de devolução, os danos causados a documentos (livros, revistas, cassetes de vídeo, DVDs, CDs, CDs-ROM) equipamento informático e mobiliário, implicará sanções que podem ir desde o pagamento ou reposição anterior até à suspensão temporária ou permanente da utilização dos serviços prestados pela Biblioteca Municipal, sem prejuízo de eventual procedimento civil e criminal se for caso disso;
8.3. Nos casos omissos neste regulamento caberá ao responsável pela Biblioteca Municipal ou em última instância, à Câmara Municipal de Ourém tomar a decisão adequada.

9. Disposições Gerais
9.1. Não é permitido no interior da Biblioteca Municipal:
9.1.1. Fumar, beber ou comer;
9.1.2. Alterar a posição do mobiliário;
9.1.3. Usar telemóvel;
9.1.4. Riscar, dobrar ou danificar as folhas e as capas dos livros e periódicos, e outro tipo de documento bem como, retirar qualquer sinalização aposta pelos serviços da Biblioteca Municipal (cotas, carimbos ou quaisquer outros sinais ou registos);
9.2 A inscrição como leitor e utilização do espaço implica a aceitação e cumprimento das presentes normas.

10. Horário
10.1 Horário de inverno
De outubro a junho
Segunda a sexta das 9h às 19h
Sábado das 9h30 às 13h
Encerra ao domingo e feriados

10.2 Horário de verão
De julho a setembro
Segunda a sexta das 9h às 17h
Encerra ao sábado, domingo e feriados

Projecto Amigos da Biblioteca

Apresentação

A Biblioteca Municipal de Ourém (BMO), assume como missão a promoção da educação, da cultura, da informação e do lazer em torno do livro e da leitura, de modo tendencialmente gratuito e universal, respeitando os princípios consignados no Manifesto da UNESCO sobre as Bibliotecas Públicas, designadamente:

- A Informação: assegurar o acesso de todos os cidadãos a todos os tipos de informação local, nacional e internacional, com profundidade e pertinência;

- A Educação: promover e apoiar a educação individual e da comunidade local, e a auto-formação, assim como a educação formal a todos os níveis;

- A Cultura: assumir o seu papel como centro da vida cultural de Ourém;

- O Lazer: ser um espaço de lazer, encorajando o aproveitamento construtivo dos tempos livres.

Consubstanciada com base nestes princípios, a BMO assume-se como um espaço de cidadania, na medida em que configura um sentido democrático de fruição da cultura, independentemente da condição social e do grupo etário. Com a criação do programa de voluntariado “Amigos da Biblioteca” a BMO dá corpo a uma das estratégias para a participação e construção comunitária, tendo como referência a solidariedade, a união de esforços e a busca do bem comum.

O projecto em apreço visa ainda promover o intercâmbio de experiências entre a comunidade de voluntários e a equipa da biblioteca, criar e desenvolver metodologias ajustadas à formação dos voluntários e impulsionar a criação de redes locais, contribuindo para o cumprimento da sua missão enquanto biblioteca municipal de leitura pública, num contexto participado ao nível do Município de Ourém.

Enquadramento

As iniciativas de acção voluntária têm contribuído para o aprimoramento das reflexões sobre o papel do cidadão no actual contexto social e facilitado a consciencialização sobre o novo conceito de cidadania, caracterizando-a como cidadania activa. Nesse sentido, o voluntariado é concebido como um acto cívico e uma forma de preservar a democracia. Nesta óptica, O Município de Ourém pretende constituir um projecto de voluntariado – Amigos da Biblioteca Municipal de Ourém – que visa reunir uma bolsa de voluntários para apoio nas diversas actividades da BMO e em diferentes áreas de intervenção.

Missão

O projecto “Amigos da BMO” – Projecto de Voluntariado da Biblioteca Municipal de Ourém tem como missão a constituição de uma bolsa de voluntários com o intuito de promover o exercício de práticas de solidariedade e de responsabilidade social envolvendo a comunidade na dinâmica da promoção do livro e da leitura e da BMO.

 

Destinatários do projecto

Pessoas com idade superior a 15 anos residentes e/ou trabalhadores no concelho de Ourém, que de forma livre, desinteressada e responsável se proponham efectuar acções de voluntariado cultural nos diversos serviços da BMO.

Processo de Candidatura e Selecção

Para ser um Amigo da Biblioteca, o candidato a voluntário deverá preencher uma ficha de inscrição. A recepção das inscrições será efectuada na BMO, e o candidato a voluntário será alvo de uma entrevista para aferir o seu perfil e consequentemente formar e informar o candidato sobre o projecto Amigos da BMO.

A estes voluntários será proporcionada uma sessão de acolhimento, seguida de uma visita guiada às instalações da biblioteca.

 

Locais de Inscrição

O preenchimento da ficha de inscrição poderá ser efectuado nos seguintes locais:

- Biblioteca Municipal de Ourém – Largo Egas Moniz;

 

Áreas de Voluntariado

1. Sector de extensão cultural e eventos

As actividades que desenvolve visam promover a participação consciente, plena e activa por parte da população e, neste sentido, procuram-se reunir voluntários para:

- Apoio nos eventos de animação e divulgação do livro e da leitura organizados pela Biblioteca;

- Divulgação de eventos.

2. Sector do tratamento documental

Visa o tratamento documental de todos os documentos disponibilizados pela Biblioteca, nomeadamente no tocante à organização do Fundo Local. Neste sentido os voluntários prestarão apoio nas seguintes actividades:

- Carimbagem;

- Etiquetagem;

- Alfabetação de documentos.

3. Sector de empréstimo e atendimento

Como complemento ao seu serviço de consulta local, a Biblioteca Municipal disponibiliza aos leitores um serviço de atendimento e empréstimo domiciliário que, tal como o nome indica, pressupõe a recepção e acolhimento do leitor, bem como o empréstimo de documentos. Os voluntários prestarão apoio ao empréstimo e atendimento em tarefas como:

- Acolhimento e encaminhamento;

- Reprodução de documentos;

- Substituição de títulos;

- Distribuição de documentos pelos espaços;

- Organização das fichas de inscrição.

Incentivos aos voluntários

- Certificado de participação

A Biblioteca Municipal compromete-se a entregar um certificado de participação ao voluntário de acordo com o estabelecido na Lei n.º 71/98 de 3 de Novembro.

- Empréstimo domiciliário

Os voluntários inscritos na Biblioteca Municipal poderão aceder ao estatuto de leitor voluntário; com este estatuto o voluntário poderá solicitar o prolongamento do empréstimo de dois livros pelo período de um mês, com possibilidade de renovação por igual período (à excepção dos periódicos e documentos destinados a consulta local, conforme as normas deste serviço).

- Oferta de Livro: Aos voluntários com a participação de 100h anuais será oferecido um livro à escolha pela Biblioteca Municipal.

Suspensão e cessação do trabalho voluntário

O voluntário que pretenda interromper ou cessar o trabalho voluntário deverá informar a entidade com antecedência mínima de 15 dias.

A Biblioteca Municipal pode determinar a suspensão ou a cessação da colaboração do voluntário, em todos ou em alguns domínios de actividade, no caso de incumprimento grave e reiterado do programa de voluntariado.

São susceptíveis de desqualificação, aqueles que adoptem os seguintes comportamentos:

- Comportamento ou atitude prejudicial à imagem da BMO;

- Conduta que prejudique o bom funcionamento dos serviços da BMO;

- Não cumprimento das normas da BMO;

- Não cumprimento do manual do voluntário;

- Três faltas injustificadas.

Cabe à Chefia da Biblioteca Municipal analisar a gravidade de cada situação e consequentemente determinar a suspensão ou cessação da colaboração do voluntário.

Manual do Voluntário

Apresentação

As iniciativas de acção voluntária têm contribuído para o aprimoramento das reflexões sobre o papel do cidadão no actual contexto social e facilitado a consciencialização sobre o novo conceito de cidadania, caracterizando-a como cidadania activa. Nesse sentido, o voluntariado é concebido como um acto cívico e uma forma de preservar a democracia. Nesta óptica, O Município de Ourém pretende constituir um projecto de voluntariado – Amigos da Biblioteca Municipal de Ourém – que visa reunir uma bolsa de voluntários para apoio nas diversas actividades da BMO e em diferentes áreas de intervenção.

Missão e Objectivos

O projecto “Amigos da BMO”  – Projecto de Voluntariado da Biblioteca Municipal de Ourém  tem como missão a constituição de uma bolsa de voluntários com o intuito de promover práticas de solidariedade e de responsabilidade social envolvendo a comunidade na promoção do livro e da leitura e da BMO.

Neste pressuposto, tem por objectivos:

· A Informação: assegurar o acesso de todos os cidadãos a todos os tipos de informação local, nacional e internacional, com profundidade e pertinência;

· A Educação: promover e apoiar a educação individual e da comunidade local, e a auto-formação, assim como a educação formal a todos os níveis;

· A Cultura: assumir o seu papel como centro da vida cultural de Ourém;

· O Lazer: ser um espaço de lazer, encorajando o aproveitamento construtivo dos tempos livres.

Horário

2.ª a 6.ª feira: 9h00 – 18h00 (passível de ajustamento)

Sábado: 14h00 às 17h00 (passível de ajustamento)

Encerrada: Domingos e feriados

Contactos

Largo Egas Moniz

Tel: 249 540 900 – ext. 122

E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Site: www.cm-ourem.pt

 

O que é o Amigo da Biblioteca?

É o projecto de voluntariado da Biblioteca Municipal que se prende com a criação de uma bolsa de voluntários para prestar apoio nas diversas áreas da Biblioteca.

 

O que significa ser Amigo da Biblioteca?

O Amigo da Biblioteca é o indivíduo que de forma livre, desinteressada e responsável se compromete, de acordo com as suas aptidões próprias e no seu tempo livre, a realizar acções de voluntariado na Biblioteca Municipal de Ourém.

 

Por isso ser voluntário é:

- Assumir um compromisso com a organização promotora de voluntariado;

- Desenvolver acções de voluntariado em prol dos indivíduos, famílias e comunidade.

- Comprometer-se a actuar de acordo com as suas aptidões e o seu tempo livre.

 

Direitos do voluntário

. Desenvolver um trabalho de acordo com os seus conhecimentos, experiências e motivações;

. Receber apoio no desempenho do seu trabalho com acompanhamento técnico;

. Receber um certificado de participação no projecto de voluntariado;

. Ter ambiente de trabalho favorável e em condições de higiene e segurança;

. Acordar com a organização promotora um programa de voluntariado, que regule os termos e condições do trabalho que vai realizar.

 

Deveres do voluntário

Para com:

OS DESTINATÁRIOS:

. Respeitar a vida privada e a dignidade da pessoa;

. Respeitar as convicções ideológicas, religiosas e culturais;

. Guardar sigilo sobre assuntos confidenciais;

. Actuar de forma gratuita e interessada, sem esperar contrapartidas e compensações patrimoniais;

. Contribuir para o desenvolvimento pessoal e integral do destinatário;

. Garantir a regularidade do exercício do trabalho voluntário.

 

A ORGANIZAÇÃO PROMOTORA

. Observar os princípios e normas inerentes à actividade, em função dos domínios em que se insere;

. Conhecer e respeitar estatutos e funcionamento da organização, bem como as normas dos respectivos programas e projectos;

. Actuar de forma diligente, isenta e solidária;

. Zelar pela boa utilização dos bens e meios postos ao seu dispor;

. Participar em programas de formação para um melhor desempenho do seu trabalho;

. Dirimir conflitos no exercício do seu trabalho de voluntário;

. Garantir a regularidade do exercício do trabalho voluntário.

. Não assumir o papel de representante da organização sem seu conhecimento ou prévia autorização;

. Utilizar devidamente a identificação como voluntário no exercício da sua actividade;

. Informar a organização promotora com a maior antecedência possível sempre que pretenda interromper ou cessar o trabalho voluntário.

 

OS PROFISSIONAIS:

. Colaborar com os profissionais da organização, potenciando a sua actuação no âmbito de partilha de informação e em função das orientações técnicas inerentes ao respectivo domínio de actividade;

. Contribuir para o estabelecimento de uma relação fundada no respeito pelo trabalho que a cada um compete desenvolver.

OS OUTROS VOLUNTÁRIOS:

. Respeitar a dignidade e liberdade dos outros voluntários, reconhecendo-os como pares e valorizando o seu trabalho;

. Fomentar o trabalho de equipa, contribuindo para uma boa comunicação e um clima de trabalho e convivência agradável;

. Facilitar a integração, formação e participação de todos os voluntários.

 

A SOCIEDADE:

. Fomentar uma cultura de solidariedade;

. Difundir o voluntariado;

. Conhecer a realidade sociocultural da comunidade, onde desenvolve a sua actividade de voluntário;

. Complementar a acção social das entidades em que se integra;

. Transmitir com a sua actuação, os valores e os ideais do trabalho voluntário.

Perfil do voluntário:

Pretende-se que qualquer voluntário apresente as seguintes características:

- Participativo;

- Responsável;

- Motivado;

- Disponível;

- Polivalente;

- Cooperativo;

- Tolerante;

- Com capacidade de adaptação e aprendizagem;

- Atitude solidária e empática;

- Escuta activa e capacidade para trabalhar em equipa;

- Com uma linguagem cordial e acessível;

Actuar como voluntário é ter um ideal por bem fazer, que assenta numa relação de solidariedade traduzida em:

- Liberdade, igualdade e pluralismo no exercício de uma cidadania activa;

- Responsabilidade pelas actividades que desenvolve com os destinatários;

- Procurar adoptar atitudes positivas e transmitir o seu entusiasmo;

- Participação nas actividades a desenvolver pela organização promotora na aplicação do Programa de Voluntariado;

- Gratuitidade no exercício da actividade, mas sem ser onerado com as despesas dele decorrentes;

- Complementaridade com a actividade dos profissionais, sem os substituir;

- Não esquecer que representa uma instituição e os seus ideais;

- Estabelecer relações positivas com os outros voluntários, valorizando a interacção;

- Convergência e harmonização com os interesses dos destinatários da acção e com a cultura e valores das organizações promotoras.

 

Destinatários do projecto

Pessoas com idade superior a 15 anos residentes e/ou trabalhadores no concelho de Ourém.

Processo de Candidatura e Selecção

Para ser um Amigo da Biblioteca, o candidato a voluntário deverá preencher uma ficha de inscrição. A recepção das inscrições será efectuada na BMO, e o candidato a voluntário será alvo de uma entrevista para aferir o seu perfil e consequentemente formar e informar o candidato sobre o projecto Amigos da BMO.

A estes voluntários será proporcionada uma sessão de acolhimento, seguida de uma visita guiada às instalações da biblioteca.

 

Locais de Inscrição

O preenchimento da ficha de inscrição poderá ser efectuado nos seguintes locais:

- Biblioteca Municipal de Ourém – Largo Egas Moniz;

- No sítio web do Município de Ourém: www.cm-ourem.pt

 

Áreas de Voluntariado

1. Sector de extensão cultural e eventos

As actividades que desenvolve visam promover a participação consciente, plena e activa por parte da população e, neste sentido, procuram-se reunir voluntários para:

- Apoio nos eventos de animação e divulgação do livro e da leitura organizados pela Biblioteca;

- Divulgação de eventos.

 

2. Sector do tratamento documental

Visa o tratamento documental de todos os documentos disponibilizados pela Biblioteca, nomeadamente no tocante à organização do Fundo Local. Neste sentido os voluntários prestarão apoio nas seguintes actividades:

- Carimbagem;

- Etiquetagem;

- Alfabetação de documentos.

 

3. Sector de empréstimo e atendimento

Como complemento ao seu serviço de consulta local, a Biblioteca Municipal disponibiliza aos leitores um serviço de atendimento e empréstimo domiciliário que, tal como o nome indica, pressupõe a recepção e acolhimento do leitor, bem como o empréstimo de documentos. Os voluntários prestarão apoio ao empréstimo e atendimento em tarefas como:

 

- Acolhimento e encaminhamento;

- Reprodução de documentos;

- Substituição de títulos;

- Distribuição de documentos pelos espaços;

- Organização das fichas de inscrição.

 

Incentivos aos voluntários

- Certificado de participação

A Biblioteca Municipal de Ourém compromete-se a entregar um certificado de participação ao voluntário de acordo com o estabelecido na Lei n.º 71/98 de 3 De Novembro.

- Empréstimo domiciliário

Os voluntários inscritos na Biblioteca Municipal poderão aceder ao estatuto de leitor voluntário; com este estatuto o voluntário poderá solicitar o prolongamento do empréstimo de dois livros pelo período de um mês, com possibilidade de renovação por igual período (à excepção dos periódicos e documentos destinados a consulta local, conforme as normas deste serviço).

- Oferta de Livro: Aos voluntários com a participação de 100h anuais será oferecido um livro à escolha pela Biblioteca Municipal.

 

Suspensão e cessação do trabalho voluntário

O voluntário que pretenda interromper ou cessar o trabalho voluntário deverá informar a entidade com antecedência mínima de 15 dias.

A Biblioteca Municipal pode determinar a suspensão ou a cessação da colaboração do voluntário, em todos ou em alguns domínios de actividade, no caso de incumprimento grave e reiterado do programa de voluntariado.

São susceptíveis de desqualificação, aqueles que adoptem os seguintes comportamentos:

- Comportamento ou atitude prejudicial à imagem da BMO;

- Conduta que prejudique o bom funcionamento dos serviços da BMO;

- Não cumprimento das normas da BMO;

- Não cumprimento do manual do voluntário;

- Três faltas injustificadas.

Cabe à Chefia da Biblioteca Municipal analisar a gravidade de cada situação e consequentemente determinar a suspensão ou cessação da colaboração do voluntário.

 

Biblioteca Municipal de Ourém

  

Morada
Largo Prof. Egas Moniz, n.º 12
2490-496 Ourém

Horário de Funcionamento
(de 01 outubro a 30 junho)

Segunda a sexta: 09h00 - 19h00
Sábado: 10h00 - 13h00
Domingo e feriados: encerrado

Horário de verão
(de 01 de julho a 30 de setembro)

Segunda a sexta: 09h00 - 17h00
Sábado, domingo e feriados: encerrado

Nota: a Biblioteca abrirá portas pontualmente nos dias e horas não previstos no horário em vigor sempre que se realizem atividades abertas ao público, atividades essas que serão atempadamente divulgadas pelos meios de que dispõe o Município.

Contactos:

249 540 900 – ext. 6841/6842
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Espaço de leitura geral, espaço de leitura de periódicos, espaço infantil, com postos multimédia e espaço internet, com postos fixos de acesso e wireless.
  • Pólos/Extensões: Piscina Municipal de Ourém na época balnear (Biblioteca vai à piscina).

 

Biblioteca - Pesquisa

 

Sobre a BMO

Cronograma:

Abril de 1958 – Data da fundação da Biblioteca Pública Oureense (BIPO);

Junho de 1960 - Data em que a Fundação Calouste Gulbenkian instala a sua primeira Biblioteca Fixa na BIPO;

Dezembro de 2002 - Data em que a Fundação Calouste Gulbenkian cessa o Serviço de Biblioteca e Apoio à Leitura (SBAL) e todo o espólio da Biblioteca fica na posse da Câmara Municipal de Ourém

 

Normas de Funcionamento BMO

Projecto Amigos da BMO - Projecto de voluntariado da Biblioteca Municipal de Ourém

O Amigo da Biblioteca é o indivíduo que de forma livre, desinteressada e responsável se compromete, de acordo com as suas aptidões próprias e no seu tempo livre, a realizar acções de voluntariado na Biblioteca Municipal de Ourém.

Sobre o Projecto

Manual do Voluntário

Catálogos das Bibliotecas da Rede de Bibliotecas Públicas Municipais do Médio Tejo

Esta página requer cookies para o seu bom funcionamento. Para mais informações consulte a politica de privacidade. Aceitar utilização de cookies. Politica de privacidade.